Questions / Perguntas

Outubro 7, 2013

“Have patience with everything unresolved in your heart and try to love the questions themselves as if they were locked rooms or books written in a foreign language. Do not search for the answers, which could not be given to you now, because you would not be able to live with them. And the point is, to live everything. Live the questions now. Perhaps then, someday in the future, you will gradually, without even noticing it, live your way into the answer.” Rainer Maria RilkeLetters To A Young Poet

 

“Tenha paciência com tudo que não está resolvido em seu coração e tente amar as perguntas como se elas fossem quartos trancados ou livros escritos em uma língua estrangeira. Não procure respostas que não poderiam ser dadas a você agora, pois você não seria capaz de viver com elas. E o principal é viver tudo. Viva as perguntas agora. Talvez, então, um dia, no futuro, você vai, gradualmente e sem perceber, viver o seu caminho para a resposta.” Rainer Maria Rilke, Letters to a Young Poet

Via Prose Prunings

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: