Funeral

Julho 19, 2011

Esse é o discurso da Sue (da série Glee) no Episódio Funeral. Eu achei muito bonito, até chorei 😛

“I miss my sister. Every night at 10 or so, she used to call me on the phone, and when I asked her why. She told me her body told her… she wanted to hear my voice. I miss my sister. The smell of her shampoo. The way she could always convince me to read her another book. When you love someone like I loved her, there’s a part of you it’s like you’re attached by this invisible tether, and no matter how far away you are you can always feel them. And now every time I reach for that tether I know there’s no one on the other end, and I feel like I’m falling into nothingness. And then I remember Jean. I remember a life lead with no enemies, no resentments, no regrets and I’m inspired to get up out of bed and go on. I miss my sister so much it feels like piece of me has been ripped off. Just one more time I want to hold her. Just ten more seconds— is that too much to ask? For ten more seconds to hold her? But I can’t and I won’t and the only thing keeping me from being swallowed whole by sadness is that Jean would kill me if I did. So for now I’m just going to miss her. I love you Jeanny. Rest in peace.”

“Sinto falta da minha irmã. Todas as noites lá pelas 10h, ela costumava me ligar, e quando eu perguntava o porquê, ela me dizia que o seu corpo lhe disse… Que ela queria ouvir minha voz. Sinto falta da minha irmã. O cheiro do seu shampoo. O jeito que ela sempre me convencia a ler outro livro para ela. Quando você ama alguém como eu a amava, há uma parte de você que é como se você estivesse conectado por esta corrente invisível, e não importa o quão longe você está, você sempre poderá senti-la. E agora cada vez que eu pego essa corrente, eu sei que não há ninguém do outro lado, e eu sinto que estou caindo no nada. E então eu me lembro dela. Eu me lembro de uma vida sem inimigos, sem ressentimentos, sem arrependimentos e eu me inspiro para me levantar da cama e ir em frente. Eu sinto tanta falta da minha irmã que parece que uma parte de mim foi arrancada. Só mais uma vez eu queria abraçá-la. Apenas mais dez segundos, será que é pedir muito? Abraçá-la só mais dez segundos? Mas eu não posso e não nem vou poder, e a única coisa me impedindo de ser engolida pela tristeza, é que Jean me mataria se eu fizesse isso. Então por enquanto eu só vou sentir falta dela. Eu te amo Jeanny. Descanse em paz.”

(Trad. Marina S.)

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: