C.S.

Maio 18, 2011

Christa o recebeu com um grande sorriso, claramente estava muito satisfeita. Ela o levou até o seu escritório e não fez rodeios “Então você conseguiu pegar a chave! Devo ser sincera, não achei que você iria conseguir tão rápido. Está com você?”

Carlos tirou a chave do bolso pensando em qual pergunta fazer primeiro, eram tantas as dúvidas que não sabia por onde começar. Ele deu a chave para ela, mas ela não a pegou “Pode ficar com você. Eu não quero. Só queria dar uma olhada. Sabe como é a curiosidade.” Mais uma dúvida entrou na lista de Carlos, porém ela continuou falando antes que ele pudesse se pronunciar “Isso é tudo por enquanto, só queria ter certeza. Te chamo novamente quando precisar.”

Carlos não tinha a menor intenção de ir embora sem ao menos obter uma resposta, mas assim como da outra vez, ele não conseguiu falar. Sentia-se como uma criança que ainda não consegue organizar os pensamentos e por isso não consegue se expressar. Quando se deu conta, mais uma vez, se encontrava do lado de fora da casa com a porta se fechando no seu nariz.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: